Paulo Paulo, 19/09/2015
Neste domingo, 20, representantes da Fundação Cooperlivre Arayara, COESUS – Coalizão Não Fracking Brasil – e 350.org Brasil participam de dois importantes eventos no Rio de Janeiro: No Aterro do Flamengo acontece o Dia Sem Carro e no Posto 6 em Copacabana inicia a VIII Caminhada pela liberdade religiosa.

Os milhares de participantes dos dois eventos vão conhecer o que é fraturamento hidráulico, chamado fracking. A tecnologia para a extração de gás do folhelho de xisto é altamente danosa ao meio ambiente, pois contamina a água com produtos tóxicos e cancerígenos, torna o solo infértil e polui ar, além de fazer as pessoas e animais adoecerem.

Dia Sem Carro

No momento em que devemos estimular o uso da bicicleta como modal de transporte, que faz bem para a saúde ambiental e do ciclista, e a produção de energias limpas e renováveis para diminuir as emissões dos gases de efeito estufa, o Brasil vai na contramão da história.

Sem consultar a sociedade, o governo brasileiro pretende explorar o gás não convencional (shale gas), o que certamente promoverá um aumento gigantesco nas emissões brasileiras, contribuindo para a intensificação das mudanças climáticas através do incremento da emissão de gases do efeito estufa.

[osm_map_v3 map_center=”-22.948,-43.175″ zoom=”12″ width=”100%” height=”450″ marker_latlon=”-22.93306,-43.17272″ marker_name=”wpttemp-red.png”]

 

Saiba mais

Fim da intolerância religiosa

No final da manhã de domingo, acontece a “VIII Caminhada pela liberdade Religiosa: Eu tenho fé” promovida pela Comissão de Combate a Intolerância Religiosa – CCIR. Esta é a oitava edição do evento que visa manter a população mobilizada contra as práticas de intolerância religiosa, ressaltando a diversidade cultural de distintos cultos religiosos, garantindo assim os princípios constitucionais que regem o Estado Brasileiro.

Além de apoiar o movimento pelo fim da intolerância religiosa, o objetivo da COESUS – Coalizão Não Fracking Brasil e seus parceiros é informar os participantes da caminhada sobre os perigos do fracking, tecnologia altamente poluente e danosa ao meio ambiente, especialmente para a nossa água, fonte de toda a vida neste planeta. Por seus impactos ambientais, econômicos e sociais, esta tecnologia já está sendo proibida em muitos países.

[osm_map_v3 map_center=”-22.948,-43.175″ zoom=”12″ width=”100%” height=”450″ marker_latlon=”-22.98522,-43.18954″ marker_name=”wpttemp-red.png”]

 
Saiba mais

Para outras informações sobre a campanha contra o fracking, acesse:http://www.naofrackingbrasil.com.br
http://world.350.org/fracking-brasil/

Assessoria de Imprensa da 350.org Brasil e COESUS – Coalizão Não Fracking Brasil
Silvia Calciolari – MTb 2259
[email protected]
[email protected]br
41-3240-1163
41-9967-3416

Participe

Para receber informações sobre a campanha, inscreva-se!

Nação Não Fracking Brasil

Desde 2013, a sociedade civil tem se mobilizado para impedir que o Fracking chegue a suas cidades e contamine sua água, solo e ar. Toledo e Cascavel foram às ruas para dizer não ao Fracking. Junte-se à causa e garanta a segurança hídrica e alimentar do Brasil.